8 dicas para aprender inglês sozinho com sucesso 7


Este post já foi lido 3937 vezes desde 27/06/2015

Este post foi dividido em duas partes por ter ficado muito grande ao final. Hoje estou publicando a parte 1 e amanhã a parte 2.

Uma das coisas mais legais sobre a internet atual é que você pode aprender praticamente qualquer coisa online. Não importa se você estiver interessado em ser Fera no Excel, aprender a pescar, a fazer um bolo perfeito ou se tornar um excelente falante de inglês, é bastante provável que você encontre um site, um vídeo, um programa ou algum tutorial em algum lugar na internet que poderá te ajudar.

aprender ingles sozinho autodidata

Um dos fatores-chave em todas estas possibilidades de aprendizado online é VOCÊ. Você deve ser a pessoa a seguir os programas – faça o que o professor, treinador, apresentador ou instrutor disser para você fazer. Você deve resolver os problemas de matemática, comprar o equipamento necessário (no caso da pesca, por exemplo) e seguir os padrões e instruções exibidos. As informações, os métodos e a ajuda estão disponíveis, mas o ingrediente mais essencial é a SUA PARTICIPAÇÃO E ENGAJAMENTO com estes materiais.

Se você decide estudar por conta própria, isso significa que você assume toda a responsabilidade do seu próprio processo de aprendizado.

Na escola, aprendemos a confiar nos professores para nos guiar no nosso processo de aprendizado. Eles nos diziam o que ler, o que escrever, o que aprender, como, quando e onde. Atualmente, jovens e adultos de qualquer lugar podem direcionar o seu próprio estudo. Você pode decidir sobre o que aprender, como aprender, quando e com quem.

Aqui estão algumas dicas para que você seja um aprendiz autodidata mais bem-sucedido, para que você tire vantagem do aprendizado desta forma, sem necessariamente precisar de outras pessoas para dizer a você o que, quando ou como fazer tudo.

Tente as dicas abaixo:

1. Descubra que tipo de estudante você é. Você aprende melhor lendo, vendo vídeos, ouvindo pessoas falando ou interagindo com outras pessoas? Você gosta de ser uma pessoa ativa, que aprende fazendo?

2. Pense sobre seus objetivos. Passe algum tempo pensando sobre o porquê de você estar aprendendo ou fazendo alguma coisa. Você precisa melhorar o seu inglês para o trabalho? Você está aprendendo porque quer assistir seriados com áudio original, sem legenda? Pretende fazer intercâmbio? Saber o PORQUÊ de você estar fazendo algo, bem como o RESULTADO que você quer podem guiar você na sua jornada pelo aprendizado.

3. Use os melhores métodos (para você). Assim que você descobrir que tipo de estudante você é, porque você está aprendendo algo e o que você quer aprender, pesquise sobre as várias maneiras que você pode aprender o assunto de sua escolha, a fim de encontrar os melhores métodos. Existem muitos programas online que ensinam inglês, por exemplo, mas alguns métodos são melhores que outros. Eles obtêm os resultados que você quer de maneira mais rápida e eficiente. Você pode querer tentar uma variedade de produtos, programas, aulas, tutoriais e outros métodos para descobrir o que realmente funciona para você

3. Ponha a “mão na massa”. Mesmo que você use um excelente produto com um excelente método, a única maneira de ele ajudar você a atingir os seus objetivos é você usando-o de verdade. Muitas pessoas gastam muito tempo e dinheiro tentando descobrir o segredo do sucesso ou a pílula mágica, um método ou programa que irá garantir o seu sucesso com o menor esforço possível. Isto é totalmente impossível, na verdade. Você deve dedicar tempo e esforço ao se aprender qualquer coisa. Porém, isto não quer dizer que o aprendizado precisa ser difícil, chato ou “dolorido”. Na verdade, quanto mais você gostar dele, mais você irá usá-lo e melhor você se tornará.

O MELHOR MÉTODO SERÁ AQUELE QUE VOCÊ MAIS GOSTAR E QUE REALMENTE USAR.

Gostou desta primeira parte? Deixe comentário e compartilhe com seus amigos.

Até mais,

Ueritom


Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Cadastrar!

7 pensamentos em “8 dicas para aprender inglês sozinho com sucesso