Learning English: what works? (Reading)


Este post já foi lido 817 vezes desde 27/06/2015

Hoje chega ao fim a série de 4 posts da Lisa Biskup, do site English Fluency Now e autora do curso Success with Stories, onde ela ensina como se tornar um excelente falante de inglês e a falar de forma mais confiante.

Hoje o texto é sobre a quarta e última habilidade da língua inglesa: o reading (leitura). O post é um pouco extenso, porém não vou publicá-lo em duas partes porque nesta quinta-feira (06/03) teremos uma “novidade” no blog. Siga o post da Lisa.

***

Escrita

Nesta parte final da série de 4 artigos, eu irei falar brevemente sobre algumas coisas que você pode fazer para escrever bem em inglês. Mas primeiro eu quero fazer uma breve revisão do que eu já disse nos três artigos anteriores.

Ouvir (listening) é a primeira e mais importante forma de input. Ouvir a input compreensível por um longo período de tempo irá garantir que você entenda o que as pessoas dizem e definitivamente ser capaz de você também falar inglês bem.

Você precisa de input de alta qualidade para produzir output de alta qualidade (fala). Claro que falar requer prática, e portanto você deve encontrar uma maneira de utilizar o que você aprendeu ouvindo encontrando um tutor, um treinador ou um parceiro linguístico com quem falar, de forma regular.

Ler é a segunda forma de input. Permite que você aprenda novas palavras e expressões de forma fácil e rápida (em um contexto) e reforça estruturas gramaticais que permitem a você se comunicar corretamente.

A leitura é uma habilidade essencial de se praticar se você quiser escrever bem em inglês. A leitura é o input e a escrita é o output.

writing em inglês

Passivo vs Ativo

O listening (ouvir) e o reading (ler) são “passivos”. Ou seja, você não precisa fazer muito; você na maioria das vezes só precisa obter informações. Falar e escrever são esforços ativos. Isto é, você precisa fazer algo; você deve produzir algo inteligível.

Quando você fala, você tem todos os tipos de coisas que podem te ajudar a se fazer ser entendido: linguagem corporal, movimentos das mãos, coisas reais (ex: comida, móveis, outras coisas).

Quando você escreve, você confia nas palavras, gramática, pontuação e estilo para fazer o seu leitor entender a ideia que você quer transmitir. O seu leitor geralmente não está lá para te pedir para repetir, tirar dúvidas sobre algum ponto ou ainda explicar algo de uma maneira diferente. Portanto, você deve fazer um bom trabalho ao se expressar de um modo que seja claro e facilmente compreensível.

Você só tem uma chance.

O propósito de escrever

O propósito de escrever é se expressar de um modo que o leitor possa entender. Você pode precisar se expressar de maneira formal, como ao escrever um texto para uma turma, um relatório de pesquisa para sua empresa ou cartas formais para clientes. Por outro lado, você pode precisar ser capaz de escrever apenas e-mail casuais e informais para amigos e membros da família ou escrever outros tipos de textos curtos.

Independentemente de qual seja o seu objetivo, o propósito de escrever é comunicar algo de forma clara para outra pessoa (ex: uma ideia, um resultado, uma regra, uma história, um pedido, etc).

Tempo e recursos

Felizmente, quando você está escrevendo, você geralmente tem duas coisas ao seu lado: tempo e recursos, como dicionário ou guias de consulta de gramática. Ao falar, você deve comunicar algo no “calor da hora”, aqui e agora, mas na escrita você pode fazer as coisas no seu ritmo. Isto é uma coisa boa quando se está aprendendo a escrever bem em inglês.

Faça as coisas num ritmo que seja bom para você e use os recursos que tiver disponíveis. Procure palavras e expressões que você quer usar, verifique a grafia, pontuação e gramática; revise o que você escreveu. Se você tem dúvidas, peça ajuda a alguém para corrigir a sua escrita e te dar um feedback.

 Estratégias para se tornar um excelente escritor

Se você já é capaz de escrever bem no seu idioma nativo, você terá mais facilidade em se tornar um excelente escritor em inglês. Se você não é, então eu sugiro que você aprender primeiro a escrever bem no seu próprio idioma, para que você entenda claramente que elementos da escrita são importantes: gramática, pontuação, estilo, tonalidade, etc.

Assim que você sabe o que é uma boa escrita no seu próprio idioma, e puder fazer isso, então será apenas uma questão de transferir estas habilidades ao inglês escrito. Isto não quer dizer que você não tenha que aprender novas maneiras de se expressar, usar a gramática e o estilo de inglês, mas apenas que isso será mais fácil.

Dito isto, aqui estão algumas estratégias importantes para se tornar um excelente escritor em inglês:

1. Leia: ler é essencial para escrever bem. Existem duas maneiras de ler um livro: uma é por prazer (isto é geralmente feito de forma mais “despreocupada”) e a outra é para estudo (aprendizagem aprofundada). Para ser um bom escritor, você deve aprender a ler. Estude o que você está lendo.

Enquanto você está lendo, faça perguntas como: “Porque ela usa estas palavras para descrever este personagem?”, “Como ela se reporta aos clientes naquela carta?”, “Como ele abriu e fechou este ensaio?”, “Que ‘palavras de transição’ ela usou para tornar mais fácil para o leitor acompanhar a estória?”

Preste atenção às palavras e expressões bem como estruturas gramaticais e pontuação.

2. Copie: As crianças geralmente aprendem a ler copiando palavras e frases e algumas vezes por ditado (escrever o que você ouve). Adultos podem fazer isto também.

Escolha um livro que você goste, que você acha que representa boa escrita e comece a copiar frases e parágrafos. Quando você copia, você começa a “sentir” o estilo, gramática e tom da escrita. É similar a ouvir algo várias vezes.

writing em inglês

Benjamin Franklin, um autor e inventor americano bastante conhecido, que foi também um dos fundadores dos Estados Unidos da América, aprendeu a ser um bom escritor copiando e recopiando artigos.

3. Revise: Assim que você tiver escrito um primeiro rascunho, certifique-se de lê-lo novamente, para verificar se existem erros de grafia, pontuação ou gramática. Se você precisar de ajuda, procure um professor ou um serviço online gratuito como o Paper Rater para te ajudar a encontrar erros e sugerir melhorias.

4. Peça feedback: arrume outra pessoa para ler o que você escreveu. Peça a esta pessoa para te dar um feedback com relação a estilo, tom e, mais importante, se é possível ou não entender o que você escreveu. Para verificar, pergunte à pessoa questões relacionadas ao texto. Ela conseguiu entender a mensagem que você quis passar? Caso não, você pode perguntar o porquê, descobrir o que não está claro ou confuso e então revisá-lo (escreva novamente até que o texto fique compreensível).

 Escrever é um processo

Escrever é um processo e se tornar um bom escritor requer tempo e, claro, prática. Se você leva a sério a ideia de se tornar um bom escritor em inglês (talvez você precise passar por exames como IELTS ou TOEFL para estudar ou trabalhar no exterior), eu sugiro que você escreva e leia todo dia.

Leva tempo para dominar um alto nível de habilidade, mas certamente isto é algo que vale a pena.

 

Lisa Biskup

http://www.englishfluencynow.com

***

Este foi o último post da Lisa aqui no blog. Caso você queira baixar o original em inglês, basta clicar abaixo:

Aproveite para conhecer o curso Sucess with Stories e conhecer o site dela.

Até mais,

Ueritom

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Cadastrar!